Bar de bordél


Nos bares dos bordéis
A diversão é barata demais
Como a cachaça, que queima sua garganta
Mas você tem, tem que engolir, tem que engolir
Existem rosas vermelhas
Em cada canto
Em todos eles um
Um novo pranto
Enche o vazio de vazio
Enche o vazio de vazio
Com suas mulheres brancas sem saber
A quem vender
Seu único produto, único
Mas tem que entrar na fila
Pra sobreviver
Tem que entrar na fila
Nos bares dos bordéis
Esta é a diversão que lhe cabe
Mesmo que não entenda
Por que foi que entrei
Por que foi?
Por que foi que entrei
Por que foi?
…As luzes vermelhas escondendo a parte feia do seu lado bonito, cada vez aumentando mais até esconderem você…

Anúncios

2 Responses to Bar de bordél

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: