Antes de qualquer oração


Ninguém precisa de motivo. Por que devo precisar? Alguns precisam de salvação. Por que devo precisar? Não estou interessando em nada disso. Não estou interessado no suor que escorre da testa, em calos nas mãos ou pés. Não acho que nada nessa vida é dádiva de alguém generoso. Generoso por quê? Qual motivo? Continuo passando reto. Reto pelas aflições, reto pelas decepções e frustrações que atravessam a rua, que tropeçam nos meios fios, que se encurralam em cantos claros ou escuros com vergonha da cor em que se transformaram. Não tenho objetivo para com nada disso. Por que deveria ter? Esse medo não é meu aliado.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: