Caso ela não apareça


Eu dançaria um tango, caso você me convidasse. Um vaga-lume tenta subir na parede, mas cai na metade, de barriga pra cima. Talvez eu também só esteja esperando a possibilidade da morte, vendo a barriga crescer. Nem preciso subir numa parede. Tomo água gelada em copo alto. Tomo aspirinas demais, tomo toda a espécie de comprimidos – pra acordar, pra dormir, pra vomitar, pra não sofrer. Alguns fazem efeito. Eu realmente dançaria um tango, não que eu saiba, mas estou disposto a aprender, caso você ainda esteja interessada.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: